HOME BIOGRAFIA NOTÍCIAS CIDADE DE SP TRANSPARÊNCIA BIBLIOTECA VÍDEOS PROJETOS DE LEI MANDATO PARTICIPATIVO CONTATO

Notícias


11/04/2019
É preciso registrar a urgência para solucionar a crise do HSPM-SP


A solução da grave crise do Hospital do Servidor Público Municipal da cidade de São Paulo passa tanto pelo aumento da sua dotação orçamentária como a arrecadação de outros recursos. “É fundamental resolver os problemas do Hospital do Servidor Público, não importando se a solução virá do Orçamento Municipal ou da contribuição de emendas parlamentares”, afirmou o Vereador e Professor Claudio Fonseca.
 
Há muitos anos, o mandato de Claudio Fonseca atua em defesa do Hospital do Servidor Público. Como parlamentar tem adotado medidas e ações para a melhoria do HSPM, como destinar, para o ano de 2018, emenda parlamentar no valor de R$ 1 milhão para o Hospital de Servidor Público para investimento em manutenção e aquisição de equipamentos hospitalares.
 
Claudio Fonseca também dialoga constantemente com o secretário municipal de Saúde alertando-o sobre a necessidade de a Prefeitura olhar com atenção e agir para a melhoria do HSPM. Os encontros se deram tanto na Secretaria Municipal de Saúde como na Câmara Municipal, como no dia 13 de março passado em que ele este no plenário da Câmara Municipal.
 
“É necessário não só melhorar o orçamento, mas também as condições de atendimento, como o secretário municipal da Saúde afirmou aqui (no plenário da CMSP) que vai fazer alguns reparos em dois andares para aumentar a capacidade de leitos do HSPM, assim teríamos provavelmente mais 50 leitos com a reforma e manutenção destes dois andares”, destacou Claudio Fonseca.
 
Claudio Fonseca sugeriu ao secretário municipal da Saúde para que ele fizesse emenda aditiva ao Orçamento da Prefeitura direcionada para o HSPM. Segundo o secretário da Saúde, com o valor de R$ 10 milhões seria possível abrir estes 50 leitos.
Durante reunião de líderes partidários na Câmara Municipal de São Paulo, no dia de 9 de abril , Claudio Fonseca voltou a cobrar urgência para a solução dos problemas do HSPM.
 
“É necessário ter equipamentos, investir na qualificar os servidores para lhes dar melhores condições de trabalho, realizar concurso público (para preenchimento de vagas de servidores) e dar condições dignas de atendimento ao HSPM. Esta situação não pode continuar”.
 
SERVIDORES PRECISAM DO HSPM SAUDÁVEL
O Hospital do Servidor Público Municipal tem a missão de atender 216 mil servidores municipais da capital e seus dependentes, além de prestar socorro em casos de emergências no Pronto Socorro, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Presta aos servidores assistência médica, odontológica e farmacêutica, e atendimento no Pronto Socorro adulto, infantil e obstétrico.
 
Com mais de 60 anos de história e sendo o principal destino dos servidores municipais da cidade de São Paulo para atendimento de emergência no Pronto Socorro e no tratamento médico, o Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM), necessita urgentemente de solução para a crise que atravessa.
 
“O atendimento das pessoas tem sido feito no corredor. Macas enferrujadas, centros cirúrgicos deteriorados, banheiros em situação fétida e com vazamentos. As piores instalações, as piores condições são oferecidas para o tratamento das pessoas que lá teriam que receber um tratamento digno”, relatou Claudio Fonseca ao exibir um vídeo que mostra as condições precárias do HPSM durante sua fala em sessão plenária da Câmara.
 
O HSPM tem 284 leitos, número insuficiente para os servidores, seus dependentes e população socorrida nos Prontos-Socorros. Suas instalações prediais precisam urgentemente de manutenção e reforma. É também preciso modernizar equipamentos e comprar materiais hospitalares.
 
A Prefeitura precisa também priorizar os recursos públicos destinados ao HSPM e executá-los de forma que o hospital cumpra seu papel tanto com os servidores como com a sociedade. “O servidor público naturalmente tem direito à saúde e qualquer empresa deveria cuidar da saúde de seus trabalhadores. Como é que a Prefeitura deixa o HSPM chegar a esta situação de degradação total”, ressaltou Claudio Fonseca em seu discurso no plenário da CMSP onde faz questão de cobrar que o governo exerça com correção a administração do hospital.
 


Deixe abaixo seu comentário.

Endereço:

Viaduto Jacareí, 100 - Bairro Bela Vista
CEP 01319-900 - São Paulo
Sala 615 - 6° andar

Telefone:

3396-4265 (11) 9 5455-9526